InícioFAQMembrosGlossárioBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | .
 

 O que me aconteceu após eu ''sair do armário''

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Nephilim
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 214
Inscrição 21/01/2017
Idade 18
Pensamento Find what you love and let it kill you.

MensagemAssunto: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   30/4/2018, 22:19

Olá, pessoal fatia de bolo
Eu ultimamente tenho assumido a minha falta de interesse sexual para os meus amigos e familiares. Eu não digo com todas as palavras ''eu sou assexual'', mas eu apenas estou explicando a eles que eu não sinto e nunca senti atração sexual durante a minha vida. Particularmente, eu tenho evitado o termo assexual por não querer mais explicar do que se trata, e também porque eles simplesmente pensariam que foi algo que eu ''vi na internet'' (minha mãe sempre me vem com essa), e invalidariam tudo o que eu tenho a dizer sobre a minha experiência.

E mesmo eu apenas dizendo ''eu não sinto atração sexual'', eles continuam não acreditando em mim, não exatamente. Continua aquela velha história de: ''foi porque você ainda não tentou...''; ''ainda não encontrou a pessoa certa''; ''quando você sentir o toque de alguém que você gosta, e começar a namorar, então você vai sentir vontade de fazer sexo''. Apesar de tudo, eu confesso que essa última frase me deixa meio em dúvida, afinal de contas eu nunca namorei, nunca beijei alguém que eu realmente amasse, será que eu sentiria vontade de fazer sexo se fosse dessa maneira? Eu não sei. Aliás, o simples fato de eu não poder dizer ''eu já namorei, já fiz sexo, e continuo não sentindo vontade'' faz com que ninguém acredite em mim! Meus amigos chegaram a me pressionar para que eu fizesse esse ''teste'', foi mais uma espécie de conselho, mas eu claramente não estava afim de segui-lo. ''Nunca encontrei alguém com um caso como o seu'', disse um amigo meu ''mais experiente''; realmente, as pessoas não entendem nada sobre assexualidade... e nós não podemos exatamente culpá-las por isso.
Eu fiquei magoada quando disseram que eu era fria, que eu na verdade escondia os meus sentimentos. Eu estou no espectro arromântico, sei que os aro aces costumam ser rotulados de frios, mas ouvir isso de alguém que você gosta é no mínimo doloroso. O pior é que não entendem que aquilo não é uma qualidade ou defeito seu, que você pode apagar ou demonstrar por aí quando bem quiser, é você, você! você nasceu daquele jeito, faz parte de quem você é, e simplesmente não vai te deixar, nunca.
Eu decidi me assumir porque eu simplesmente não estava mais aguentando me esconder, ter que fingir, dar explicações vagas. Está sendo difícil ver a reação das pessoas, mas ao menos minha consciência está mais leve. Talvez você possa se perguntar:''Por que é tão importante que as pessoas acreditem em você?!'', e bem, e então eu não saberia como responder a essa pergunta. Talvez seja o conforto de ser aceita e respeitada, de ser ao menos superficialmente entendida, acho que muitos de nós tem essa necessidade, mas a calamos muitas vezes.

As pessoas então sendo tão céticas comigo... que estou cogitando a possibilidade de procurar gostar de alguém, e tentar ficar com a pessoa. Não faço a mínima ideia de como seria isso, ou por onde começar. E nem sei se quero, mas tenho curiosidade, e acho que vou tentar. Talvez para vocês isso seja meio errado, tentar provar algo aos outros e a mim mesma, mas prefiro ver isso como uma experiência. Não penso que vá ser algo traumatizante, no máximo ruim.... Se eu gostar, que bom, eu acho. Eu tô claramente insegura lskjdcnou mas vamos dizer que eu estou ao menos mais aberta a esse tipo de coisa... coisa que antes eu naturalmente não estava.
Eu espero ter algo a dizer a eles depois disso, e também no que pensar sobre mim mesma.

E então é isso, minha gente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Koas
Novato(a)
Novato(a)
avatar

Mensagens 25
Inscrição 18/10/2017
Idade 22
Pensamento Não é fugindo da luta que se evita o fracasso, mas sim se tornando maior do que a batalha.

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   6/5/2018, 00:42

Olá, Nephilim, me identifico com grande parte do que disse.

Sobre rótulos, eu antes procurava me encaixar em um rótulo, mas depois vi o quanto os rótulos (seja qual for ou do que for) são inconvenientes e passíveis de fazerem as pessoas criarem equívocos sobre você, ainda mais sendo um termo e conceito ainda desconhecidos por muitos. Acabo achando melhor descrever quem eu sou e como funciono do que dizer que sou X ou que faço parte de grupo X. Os seres humanos são complexos e infinitamente variados, o maior erro é generalizar, e o que um rótulo faz basicamente é generalizar. Mas claro, isso não garante alguma vez alguém imaginar demais e ter em mente algo que não condiz com a realidade da pessoa.

Nunca ter "tentado" é o que mais complica nessas horas de falar sobre, porque as pessoas acabam achando difícil levar a sério alguém que diz não gostar de algo que nunca experimentou, tipo dizer não gostar de algum alimento que nunca comeu, "como vai sentir falta de algo que nunca teve?", né. Só que aí tem um porém: equivalente ao sexo para um assexual, o alimento você pode saber se vai gostar do sabor só pelo cheiro e aparência, sem precisar comer pra saber. Mas lidar com pessoas que não compreendem a assexualidade é complicado.

Se você está querendo tentar, não faça isso só pra poder dizer que tentou. Deixe tudo acontecer naturalmente, apenas estando aberta às experiências. Se der certo, tudo bem. Se não, não se force.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
shukaku
Aprendiz
Aprendiz
avatar

Mensagens 60
Inscrição 16/04/2018
Idade 25
Pensamento The more I know of the world, the more I am convinced that I shall never see a person whom I can really love.

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   6/5/2018, 00:53

Nephilim, não deixe que os outros façam você esconder seu verdadeiro ''eu''.
As pessoas dão opiniões superficiais pois não entendem o que realmente acontece, elas se baseiam nas próprias vidas e acham que estão ajudando.
Faça o que achar melhor, só não deixe de ser você por causa dos outros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bia hosH
Novato(a)
Novato(a)
avatar

Mensagens 47
Inscrição 16/04/2018
Idade 19

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   7/5/2018, 10:41

Não precisa fingir que se encaixa, não se importe com o que os outros pensam, eu sei que a opinião dos outros podem machucar, mas eles não estão na sua pele e não entendem realmente como se sente.

Enviado pelo Topic'it
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Romântico
Admin
Admin
avatar

Mensagens 1837
Inscrição 16/04/2014
Idade 41
Pensamento "O amor está acima da morte, assim como como o céu, do oceano" (Jean Baptiste Henri Lacordaire)

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   8/5/2018, 21:22

Nephilim escreveu:
Olá, pessoal fatia de bolo
Eu ultimamente tenho assumido a minha falta de interesse sexual para os meus amigos e familiares. Eu não digo com todas as palavras ''eu sou assexual'', mas eu apenas estou explicando a eles que eu não sinto e nunca senti atração sexual durante a minha vida. Particularmente, eu tenho evitado o termo assexual por não querer mais explicar do que se trata, e também porque eles simplesmente pensariam que foi algo que eu ''vi na internet'' (minha mãe sempre me vem com essa), e invalidariam tudo o que eu tenho a dizer sobre a minha experiência.

E mesmo eu apenas dizendo ''eu não sinto atração sexual'', eles continuam não acreditando em mim, não exatamente. Continua aquela velha história de: ''foi porque você ainda não tentou...''; ''ainda não encontrou a pessoa certa''; ''quando você sentir o toque de alguém que você gosta, e começar a namorar, então você vai sentir vontade de fazer sexo''. Apesar de tudo, eu confesso que essa última frase me deixa meio em dúvida, afinal de contas eu nunca namorei, nunca beijei alguém que eu realmente amasse, será que eu sentiria vontade de fazer sexo se fosse dessa maneira? Eu não sei. Aliás, o simples fato de eu não poder dizer ''eu já namorei, já fiz sexo, e continuo não sentindo vontade'' faz com que ninguém acredite em mim! Meus amigos chegaram a me pressionar para que eu fizesse esse ''teste'', foi mais uma espécie de conselho, mas eu claramente não estava afim de segui-lo. ''Nunca encontrei alguém com um caso como o seu'', disse um amigo meu ''mais experiente''; realmente, as pessoas não entendem nada sobre assexualidade... e nós não podemos exatamente culpá-las por isso.
Eu fiquei magoada quando disseram que eu era fria, que eu na verdade escondia os meus sentimentos. Eu estou no espectro arromântico, sei que os aro aces costumam ser rotulados de frios, mas ouvir isso de alguém que você gosta é no mínimo doloroso. O pior é que não entendem que aquilo não é uma qualidade ou defeito seu, que você pode apagar ou demonstrar por aí quando bem quiser, é você, você! você nasceu daquele jeito, faz parte de quem você é, e simplesmente não vai te deixar, nunca.
Eu decidi me assumir porque eu simplesmente não estava mais aguentando me esconder, ter que fingir, dar explicações vagas. Está sendo difícil ver a reação das pessoas, mas ao menos minha consciência está mais leve. Talvez você possa se perguntar:''Por que é tão importante que as pessoas acreditem em você?!'', e bem, e então eu não saberia como responder a essa pergunta. Talvez seja o conforto de ser aceita e respeitada, de ser ao menos superficialmente entendida, acho que muitos de nós tem essa necessidade, mas a calamos muitas vezes.

As pessoas então sendo tão céticas comigo... que estou cogitando a possibilidade de procurar gostar de alguém, e tentar ficar com a pessoa. Não faço a mínima ideia de como seria isso, ou por onde começar. E nem sei se quero, mas tenho curiosidade, e acho que vou tentar. Talvez para vocês isso seja meio errado, tentar provar algo aos outros e a mim mesma, mas prefiro ver isso como uma experiência. Não penso que vá ser algo traumatizante, no máximo ruim.... Se eu gostar, que bom, eu acho. Eu tô claramente insegura lskjdcnou  mas vamos dizer que eu estou ao menos mais aberta a esse tipo de coisa... coisa que antes eu naturalmente não estava.
Eu espero ter algo a dizer a eles depois disso, e também no que pensar sobre mim mesma.

E então é isso, minha gente.

Reforço o que já lhe disseram:
Koas escreveu:
Nunca ter "tentado" é o que mais complica nessas horas de falar sobre, porque as pessoas acabam achando difícil levar a sério alguém que diz não gostar de algo que nunca experimentou, tipo dizer não gostar de algum alimento que nunca comeu, "como vai sentir falta de algo que nunca teve?", né. Só que aí tem um porém: equivalente ao sexo para um assexual, o alimento você pode saber se vai gostar do sabor só pelo cheiro e aparência, sem precisar comer pra saber. Mas lidar com pessoas que não compreendem a assexualidade é complicado.
shukaku escreveu:
Nephilim, não deixe que os outros façam você esconder seu verdadeiro ''eu''.
As pessoas dão opiniões superficiais pois não entendem o que realmente acontece, elas se baseiam nas próprias vidas e acham que estão ajudando. Faça o que achar melhor, só não deixe de ser você por causa dos outros.
Bia hosH escreveu:
Não precisa fingir que se encaixa, não se importe com o que os outros pensam, eu sei que a opinião dos outros podem machucar, mas eles não estão na sua pele e não entendem realmente como se sente.
Cuidado, pois ao se relacionar com alguém, sem sentir atração, sem gostar da pessoa, vc pode machucá-la e se machucar também.


Visite o site oficial:
http://www.assexualidade.com.br


------

Confira os tópicos selecionados, na barra lateral direita do Fórum!
Obs: atualizei a lista, incluindo links que constavam apenas na minha assinatura.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://vk.com/megasenaminhavida
JacqKruk
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 5
Inscrição 07/09/2017
Idade 24

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   12/5/2018, 11:10

Nephilim escreveu:

Aliás, o simples fato de eu não poder dizer ''eu já namorei, já fiz sexo, e continuo não sentindo vontade'' faz com que ninguém acredite em mim!

Já vi depoimentos de assexuais dizendo que mesmo depois que você fala que não gostou, o povo allo arranja outra justificativa pra pressionar.  "tem que ser com alguém experiente", "tenta com outra pessoa". muito triste
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
jolisantis
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 17
Inscrição 11/05/2018
Idade 24
Pensamento Normality is a paved road: It’s comfortable to walk, but no flowers grow on it.

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   12/5/2018, 18:13

As pessoas ainda falam como se eu não tivesse encontrado o cara certo chateado
Unica pessoa que entendeu foi minha mãe, depois que falei "Eu não gosto de sexo, não quero fazer", ela nunca mais me importunou com isso, e nunca me pergunta dos namoradinhos hehehe Ela já entendeu que eu só vou me comprometer com alguém que respeite isso, e como a possibilidade de encontrar é bem baixa, continuo me focando nos estudos e pronto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Nephilim
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 214
Inscrição 21/01/2017
Idade 18
Pensamento Find what you love and let it kill you.

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   12/5/2018, 23:06

Primeiramente eu gostaria de pedir desculpas pela minha demora em responder esse tópico, minha vida está bem complicadinha e é normal que eu esteja sumindo das redes sociais etc.

Koas escreveu:
Olá, Nephilim, me identifico com grande parte do que disse.

Sobre rótulos, eu antes procurava me encaixar em um rótulo, mas depois vi o quanto os rótulos (seja qual for ou do que for) são inconvenientes e passíveis de fazerem as pessoas criarem equívocos sobre você, ainda mais sendo um termo e conceito ainda desconhecidos por muitos. Acabo achando melhor descrever quem eu sou e como funciono do que dizer que sou X ou que faço parte de grupo X. Os seres humanos são complexos e infinitamente variados, o maior erro é generalizar, e o que um rótulo faz basicamente é generalizar. Mas claro, isso não garante alguma vez alguém imaginar demais e ter em mente algo que não condiz com a realidade da pessoa.

Nunca ter "tentado" é o que mais complica nessas horas de falar sobre, porque as pessoas acabam achando difícil levar a sério alguém que diz não gostar de algo que nunca experimentou, tipo dizer não gostar de algum alimento que nunca comeu, "como vai sentir falta de algo que nunca teve?", né. Só que aí tem um porém: equivalente ao sexo para um assexual, o alimento você pode saber se vai gostar do sabor só pelo cheiro e aparência, sem precisar comer pra saber. Mas lidar com pessoas que não compreendem a assexualidade é complicado.

Se você está querendo tentar, não faça isso só pra poder dizer que tentou. Deixe tudo acontecer naturalmente, apenas estando aberta às experiências. Se der certo, tudo bem. Se não, não se force.

Obrigado, Koas sorrindo  Também me identifico muito com o que você disse, é exatamente isso! Eu estou tentando deixar tudo acontecer naturalmente, na realidade eu apenas passei a me abrir mais pra esse mundo sério Não me agrada tanto assim mas também não estou saindo por aí atrás de sexo asodjnvjk mas até agora nada, porque eu realmente estou apenas sentada esperando que algo aconteça e que alguém certo apareça.

shukaku escreveu:
Nephilim, não deixe que os outros façam você esconder seu verdadeiro ''eu''.
As pessoas dão opiniões superficiais pois não entendem o que realmente acontece, elas se baseiam nas próprias vidas e acham que estão ajudando.
Faça o que achar melhor, só não deixe de ser você por causa dos outros.

Tem razão, na maioria das vezes se baseiam na própria vida e acham que o que vai funcionar pra elas também vai funcionar pra mim. Obrigada por esse conselho envergonhado

Bia hosH escreveu:
Não precisa fingir que se encaixa, não se importe com o que os outros pensam, eu sei que a opinião dos outros podem machucar, mas eles não estão na sua pele e não entendem realmente como se sente
Obrigada pelas suas palavras... isso é bem verdade.

Obrigada também ao Romântico e aos outros que responderam esse tópico  sorriso 2  acho que ficaria muito longo se eu citasse todo mundo mas deixo aqui o meu obrigada pelo apoio  coração ace

Os meus pais já aceitaram isso melhor, quer dizer, eles não me mandam fazer nada, só dizem que eu deixe as coisas seguirem o seu curso. Com os meus amigos é mais difícil, eu tenho saído menos com eles desde que eu me mudei e amanhã vou reencontrá-los desde a última vez que eu disse que não sentia atração sexual pra eles. A verdade é que eu ainda estou tão decepcionada que queria adiar esse encontro por muito mais tempo, mas eu espero saber lidar bem com as coisas, sei que em algum momento eles vão perguntar se eu estou disposta ou se já fiz ''alguma coisa'' triste 2  sinceramente acho que eu gostaria de dar um tempo nessas amizades....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Violeta
Novato(a)
Novato(a)
avatar

Mensagens 30
Inscrição 28/06/2018
Idade 35
Pensamento Me conhecendo, me respeitando e me aceitando cada dia mais

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   1/7/2018, 14:42

Melhor sozinha do que mal acompanhada! Se esses amigos estão fazendo você se sentir desconfortável então talvez seja melhor manter distância mesmo, pelo menos por um tempo e se aproximar apenas das pessoas que te aceitam como você é. Nossa, é muito chato essa pressão da sociedade!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Phili
Aprendiz
Aprendiz
avatar

Mensagens 148
Inscrição 28/06/2018
Idade 26
Pensamento Se o pica-pau tivesse comunicado a polícia, isso nunca teria acontecido

MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   1/7/2018, 16:22

Oi Nephilim, o pessoal falou tantas coisas que pensei em falar que estou meio que aqui só pra fazer coro.

Com relação a descrever como funciona ao invés de dar o nome, como dito pelo Koas, acho algo bom não como apenas uma "estratégia pra fugir" do julgamento alheio, mas porque acredito que assim facilita a comunicação, deixando mais acessível pros outros entenderem.

O Romântico falou sobre machucar outras pessoas nesse processo e fiquei um tempo meditando nisso...Acredito que desde que não haja mentiras ou ilusões alimentadas, qualquer tipo de relação pode criar conflitos, então apesar de ser realmente algo pra se considerar MUITO, por respeito tanto a outra pessoa quanto a você, haveria o risco de deixar de encontrar alguém pra ser amigo também pelo mesmo motivo, então considere, pense no que procura e deixe isso claro.

O que posso dizer sobre minha experiência que talvez ajude: tive dificuldades em me entender enquanto gray-a porque o tema da sexualidade me interessa muito - mas como área de estudo, não enquanto prática pessoal. Por conta disso, acabo me sentindo tanto uma intrusa do lado de cá como uma farsa pro lado de lá, como alguém vai acreditar em mim assim? Não dá pra convencer ninguém de nada que não estejam dispostos, o que se pode pedir, mesmo, é respeito. Apesar da validação ser algo fundamental, creio que nem todas as pessoas tem maturidade para aprenderem a validar o outro sem considerarem isso como invalidante pra elas mesmas, então isso não tem nada a ver com quem você é.

O que poderia te dizer, que é o que tenho dito a mim mesma, é que se permita ter tempo pra se entender mas também pros outros entenderem. Mesmo sendo terrível aguentar essas falas todas dos outros, eles também não sabem como lidar ou reagir. Se permita, inclusive, ficar distante enquanto eles tem tempo pra elaborar, só não permita que te destratem ou discriminem por causa disso.

Espero ter conseguido colaborar pelo menos um pouquinho coração roxo


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O que me aconteceu após eu ''sair do armário''   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

O que me aconteceu após eu ''sair do armário''

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Quando sairão o novos episódios?
» [RP] My Little Puddings

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Comunidade Assexual :: Comunidade Assexual :: Depoimentos-