InícioFAQMembrosGlossárioBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | .
 

 A relevância das classificações

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 

Qual a sua opinião sobre as classificações envolvendo a assexualidade?
Concordo com as classificações e me considero assexual mas, sem aderir a uma subdivisão da assexualidade.
25%
 25% [ 14 ]
Concordo com as classificações e além de assexual sinto afinidade por ao menos uma das subdivisões da assexualidade.
56%
 56% [ 32 ]
Não concordo com as classificações mas, acho que me encaixo em alguma delas.
4%
 4% [ 2 ]
Não concordo com as classificações e não acho que eu me encaixe em nenhuma delas.
5%
 5% [ 3 ]
Não sei dizer com precisão.
10%
 10% [ 6 ]
Total dos votos : 57
 

AutorMensagem
Sam
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 362
Inscrição 03/04/2012
Idade 29

MensagemAssunto: A relevância das classificações   24/9/2012, 12:15

Há mais ou menos cinco meses atrás, quando eu comecei a ler vários materiais sobre sexualidade humana, eu me deparei com as tão comuns tentativas de classificação.

Da mesma forma que causa problemas, estas "divisões" tem a sua importância. Um exemplo de problema ocorreria quando uma pessoa não tem à disposição o conhecimento de todas as classificações existentes (ou às vezes tem e não consegue se encontrar) e, tenta moldar sua personalidade segundo algo predefinido. Como vocês sabem, não é o que deveria ocorrer, precisamos sentir afinidade pelo tema e não tentar a todo custo fazer parte de um deles. De outra forma, é graças à existência de um termo comum (homossexualidade, assexualidade, etc) que grupos de pessoas se formam criando a possibilidade de discussão, aprendizado, compartilhamento de experiências e não menos importante, a disposição pela luta do reconhecimento deste grupo.

Desde o início, eu consegui me satisfazer com a definição de assexualidade mas, nunca fui capaz de adotar uma das suas subdivisões (gray-A, demissexual, etc). Recentemente houveram discussões sobre isto no fórum e eu voltei a pensar no assunto. Por que não consigo responder perguntas simples relacionadas a ser gray-A ou mesmo algo mais abrangente como romântico e arromântico? Enfim, o que estou tentando saber depois de enrolar tanto é: como vocês enxergam essa questão da relevância das classificações e quantos de vocês assumiram estes termos?


The piano is not firewood yet.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Convidado
Convidado



MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   24/9/2012, 14:09

Acho úteis essas divisões, tanto para a própria pessoa tentar se entender melhor, como para o entendimento dos que estão de fora.

Sou grey-A, um termo bastante abrangente, mas não vejo problemas nessa abrangência. Não dá pra ficar aplicando um termo diferente a cada minúcia da assexualidade. Seria desnecessário e acabaria ficando muito confuso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidado
Convidado



MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   24/9/2012, 14:16

Tópico movido para Perspectivas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
....
Mestre Supremo(a)
Mestre Supremo(a)


Mensagens 1316
Inscrição 27/08/2012
Idade 24

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   24/9/2012, 15:35

Eu acho estas classificações importantes e necessárias. Concordo que elas, muitas vezes, levam à criação de rótulos, e isso não é correto, mas a não existência delas, acredito, tornaria tudo ainda mais complicado.

Digamos, por exemplo, que as discussões da assexualidade não envolvessem subdivisões. Então, nesta realidade hipotética, eu entro neste fórum e percebo que todos os membros sentem atração afetiva, mas eu não sinto nem atração afetiva, nem sexual. Eu sei que sou um assexual arromântico, mas e nesta realidade alternativa sem divisões? Será que eu conseguiria me identificar com o assexualismo em meio à um mar de pessoas que sentem atração afetiva? Provavelmente ficaria muito confuso.

A assexualidade é extremamente abrangente, e as classificações servem para que possamos entender melhor esta diversidade, facilitando, então, a nossa identificação com a orientação sexual.

O problema se dá com a diversidade da assexualidade que não consegue ser totalmente abrangida pelas divisões existentes. E, claro, isso acontece porque todos os seres humanos são diferentes, e a sexualidade se manifestará diferentemente em cada um. Então, resta a cada um de nós ter bom senso ao lidar com as divisões, não tentando moldar nossa personalidade às divisões, mas ver se elas moldam-se à personalidade.

E, como as classificações ainda estão em construção, podem faltar classificações ou melhores definições. Por isso acho que uma pessoa pode sim considerar-se assexual sem encaixar-se em nenhuma das divisões existentes.

Então, acredito que as divisões são importantes, mas por seus fins didáticos, para que possamos entender melhor a diversidade da assexualidade e para que nos identifiquemos com a orientação. Por isso, Sammo, acho que você não precisa se preocupar muito com isso, pois se você se identifica com a assexualidade, sente-se confortável com isso, e as divisões só te confundem, é melhor desconsiderá-las, pois ainda estão em construção e não abrangem completamente a assexualidade. É isso que acredito pelo menos sorrindo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hakun
Novato(a)
Novato(a)
avatar

Mensagens 24
Inscrição 16/08/2012

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   25/9/2012, 20:30

acho bem util ter isso facilita em muitos pontos (principalmnete quando perguntam o que é @_@)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Lorelai
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 18
Inscrição 05/04/2012

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   26/9/2012, 16:33

"Concordo com as classificações e além de assexual sinto afinidade por ao menos uma das subdivisões da assexualidade."

Muito importante as classificações. Eu me considero uma assexual arromântica. Mas não sei muita coisa sobre arromantismo, tem poucas discussões sobre o assunto. Gostaria de conversar com mais gente que se classifica dessa forma e também tenho muita curiosidade de saber como cada pessoa enxerga sua assexualidade, e dentro dela suas subdivisões.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sam
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 362
Inscrição 03/04/2012
Idade 29

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   26/9/2012, 18:24

Obrigado pelos comentários pessoal.
Neste caso, ter uma opinião externa é também importante!


The piano is not firewood yet.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
CriticalHit
Novato(a)
Novato(a)
avatar

Mensagens 28
Inscrição 30/09/2011
Idade 31

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   26/9/2012, 20:27

Eu votei: "Não concordo com as classificações e não acho que eu me encaixe em nenhuma delas."

Mas isso não quer dizer que eu ache que as categorizações são inúteis ou prejudiciais. Elas servem como balizamento para se pensar o assunto, mas, pessoalmente, eu não consigo me identificar perfeitamente com nenhuma categoria, nem acho que isso seja necessário ou desejável.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ander
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 447
Inscrição 07/10/2012
Idade 37
Pensamento Liberdade

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   11/11/2012, 19:02

Também não consigo me identificar totalmente com nenhuma categoria, mas elas são validas!!! óculos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Barros
Sabido(a)
Sabido(a)
avatar

Mensagens 172
Inscrição 04/11/2012
Idade 27

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   26/11/2012, 17:03

acho interessante pois, apesar de sermos assexuais ,nao somos iguais em todas opnioes somos um grupo ,e dentro dele a pessoas com diversas opnioes e gosto cada um sente algo diferente cada um tem uma perspectiva diferente,e bom classificar ,desde que isso nao crie barreiras uns com os outros, seje apenas para orientar,esclarecer melhor o lado e opniao de cada membro,
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário https://www.facebook.com/bruno.arley
Convidado
Convidado



MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   6/3/2016, 00:50

Basta o ser humano sair de uma caixinha ele já quer criar outra para se encaixar...ai ai ai

Olha classificação é algo que precisamos para nos sentir inseridos em algo, mesmo que seja na disfunção, e isso é limitante.

Sentir é algo muito mais profundo do que um sistema de classificação permite, tem centenas de milhares de nuances, e hoje você pode estar num nível, amanhã em outro, e talvez depois em nenhum deles.

Enfim, quero minha mente livre, já me basta ela estar dentro de um corpo dimensional
Voltar ao Topo Ir em baixo
betofb
Aprendiz
Aprendiz
avatar

Mensagens 91
Inscrição 25/05/2016
Idade 35

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   31/5/2016, 22:55

Eu acho interessante as subdivisões, unicamente para a pessoa se conhecer melhor, bem como saber o que pode vir de uma pessoa com subdivisão diferente, caso se relacione. Apenas por isso.

Mas quando a pessoa acha difícil os conceitos e tudo fica confuso, eu acho totalmente desnecessário insistir em se encaixar em uma subdivisão, afinal cada pessoa é assexualmente/sexualmente única a sua maneira.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Romântico
Admin
Admin
avatar

Mensagens 1682
Inscrição 16/04/2014
Idade 41
Pensamento "O amor está acima da morte, assim como como o céu, do oceano" (Jean Baptiste Henri Lacordaire)

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   1/6/2016, 06:54

Classificações servem para orientar... têm sua importância, mas fundamental é que a pessoa se conheça bem e aprenda a se aceitar do jeito que é. sorrindo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://vk.com/megasenaminhavida
Convidado
Convidado



MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   10/8/2016, 13:57


O ser humano é um animal curioso e a curiosidade leva ao interesse, do interesse adquirimos o conhecimento.
Desde muito e muitos anos sentimos necessidade de diferenciar os iguais e igualar os diferentes. Foi assim que surgiram conceitos diversos. Assim são os signos zodiacais, são as classificações da psicologia, da antropologia...
É claro que existem termos e conceitos, ainda, em estudo e podem ser alteramos, além disso, não estamos mais na época de Newton e do absolutismo, depois de Einstein tudo é relativo. língua
Então, para mim, as classificações que envolvem a assexualidade são formas de orientação, maneiras de diferenciar comportamentos que, em alguns casos, são sutilmente desiguais.
Ainda estou compreendendo e lendo muita coisa aqui, todavia, o pouco que já li me auxiliou e muito. está valendo a pena. piscando

É a minha humilde opinião. envergonhado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidado
Convidado



MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   10/8/2016, 18:48

Eu jamais teria descoberto que sou ace se não fossem essas classificações. Ficava perdida porque eu já havia me atraído por pessoas... mas de que forma era essa atração? Eu não sabia a diferença entre romântica, sexual, estética, platônica, etc. Não conseguia me ver como hétero, pois a forma com que expressavam atração era muito diferente das minhas experiências. Pelo mesmo motivo não me via como lésbica, bi, pan...

Muito tempo depois, percebi que não me encaixo em nenhuma orientação romântica (seria eu gray-aro?). Mas tenho certeza de que sou assexual, e isso, para mim, é suficiente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Esrom.Mota
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 4
Inscrição 04/06/2016
Idade 25
Pensamento Todas as escolhas esvaíram-se no momento em que nos submetemos à linguagem

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   2/3/2018, 15:45

Referente ao termo geral da Assexualidade, penso que a classificação seja algo importante. Isso gera pertencimento e difere o grupo, além disso repercute em lugares de fala dotados de legitimidade social. Nesse sentido, a nomenclatura "Assexual" não refere-se exclusivamente a um conceito estático, mas a um movimento social com propósitos, continuidade e perspectivas de transformação social.

Por outro lado, no que se refere às subclassificações baseadas na direção do afeto (A/Hetero/Homo - Românticos), tenho uma preocupação maior. Originalmente, penso que o movimento assexual seja uma contraposição às demais sexualidades existentes, principalmente no que toca a questão da "ditadura sexual contemporânea" hoje vigente - isso é algo muito comentado aqui no Fórum. Mas, votando a questão das subclassificações, vejo que o movimento assexual se contradiz ao adotá-las.

Se o movimento incorpora uma crítica ao exacerbado culto do sexo e seus determinismos, não vejo motivo para adotarmos um sistema de classificação análogo ao já existente. Isso sem falar que essas classificações etão alicerçadas no fundamental pensamento do binarismo de gêneros. Enfim, penso ser uma contradição no sentido de que criticamos um modelo e acabamos por adotá-lo em formatos reformulados.

Gostei bastante do tópico. Estou aberto à discussões.

Atenciosamente,
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Esrom.Mota
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 4
Inscrição 04/06/2016
Idade 25
Pensamento Todas as escolhas esvaíram-se no momento em que nos submetemos à linguagem

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   2/3/2018, 15:47

Referente ao termo geral da Assexualidade, penso que a classificação seja algo importante. Isso gera pertencimento e difere o grupo, além disso repercute em lugares de fala dotados de legitimidade social. Nesse sentido, a nomenclatura "Assexual" não refere-se exclusivamente a um conceito estático, mas a um movimento social com propósitos, continuidade e perspectivas de transformação social.

Por outro lado, no que se refere às subclassificações baseadas na direção do afeto (A/Hetero/Homo - Românticos), tenho uma preocupação maior. Originalmente, penso que o movimento assexual seja uma contraposição às demais sexualidades existentes, principalmente no que toca a questão da "ditadura sexual contemporânea" hoje vigente - isso é algo muito comentado aqui no Fórum. Mas, votando a questão das subclassificações, vejo que o movimento assexual se contradiz ao adotá-las.

Se o movimento incorpora uma crítica ao exacerbado culto do sexo e seus determinismos, não vejo motivo para adotarmos um sistema de classificação análogo ao já existente. Isso sem falar que essas classificações etão alicerçadas no fundamental pensamento do binarismo de gêneros. Enfim, penso ser uma contradição no sentido de que criticamos um modelo e acabamos por adotá-lo em formatos reformulados.

Gostei bastante do tópico. Estou aberto à discussões.

Atenciosamente,
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fernando
Mestre Supremo(a)
Mestre Supremo(a)
avatar

Mensagens 1132
Inscrição 30/03/2015
Idade 20
Pensamento When you lose small mind you free your life

MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   2/3/2018, 18:43

Esrom.Mota escreveu:
Referente ao termo geral da Assexualidade, penso que a classificação seja algo importante. Isso gera pertencimento e difere o grupo, além disso repercute em lugares de fala dotados de legitimidade social. Nesse sentido, a nomenclatura "Assexual" não refere-se exclusivamente a um conceito estático, mas a um movimento social com propósitos, continuidade e perspectivas de transformação social.

Por outro lado, no que se refere às subclassificações baseadas na direção do afeto (A/Hetero/Homo - Românticos), tenho uma preocupação maior. Originalmente, penso que o movimento assexual seja uma contraposição às demais sexualidades existentes, principalmente no que toca a questão da "ditadura sexual contemporânea" hoje vigente - isso é algo muito comentado aqui no Fórum. Mas, votando a questão das subclassificações, vejo que o movimento assexual se contradiz ao adotá-las.

Se o movimento incorpora uma crítica ao exacerbado culto do sexo e seus determinismos, não vejo motivo para adotarmos um sistema de classificação análogo ao já existente. Isso sem falar que essas classificações etão alicerçadas no fundamental pensamento do binarismo de gêneros. Enfim, penso ser uma contradição no sentido de que criticamos um modelo e acabamos por adotá-lo em formatos reformulados.

Gostei bastante do tópico. Estou aberto à discussões.

Atenciosamente,

Interessante sua interpretação.
Acho que vejo a questão das classificações de maneira oposta a sua. A cultura sexual que vejo hoje é mais focada na ação do que no pensamento. Muito poucos allossexuais distinguem os diferentes tipos de atrações, para a maioria a atração sexual, romântica, estética, etc. é uma coisa só. Foram pessoas que tinham alguma atração diferente, ou não sentiam alguma que foram questionando essas diferenças. A sociedade no geral não estimula esse tipo de pensamento. Uma vez que você descubra do que goste, pare de pensar nisso e vá atrás de alguém assim. O movimento assexual tem uma cultura mais bem trabalhada nessa questão de classificações, porque desde sempre estamos a questionar o que é sentir atração por alguém, ou porque não sentimos isso. Assim, através do questionamento de muitas pessoas é que se foi construindo os diferentes conceitos que moldam cada classificação. As pessoas que entram em contato com o movimento assexual são apresentadas a questionamentos que possivelmente nunca teriam em outros lugares. Assim, não acho que seja uma contradição adotar tais subclassificações, acho até que as outras sexualidades têm o que aprender com os assexuais.
E nem todas as classificações tem por base o binarismo de gêneros, basta ver as pan/gino/andro -romanticidades.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A relevância das classificações   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

A relevância das classificações

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Receita Federal intensifica fiscalização
» Classificação
» [Hunter X HUNTER] Qual a classificação de Meruem?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Comunidade Assexual :: Comunidade Assexual :: Enquetes-