InícioFAQMembrosGlossárioBuscarRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | .
 

 Sou muito nova para autodenominar assexual?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Rimune
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 11
Inscrição 06/12/2018
Idade 17
Pensamento Ser honesto é fazer o certo mesmo quando ninguém está olhando

MensagemAssunto: Sou muito nova para autodenominar assexual?   6/12/2018, 19:13

Olá, sou nova aqui, quero dizer... quase, uma vez entrei aqui mas sai porque me disseram que eu era muito nova para dizer que sou assexual arromântico. Bom, acho que é melhor eu começar do início e contar como descobri a comunidade.

   Desde criança (dos 3 - 4 anos) eu já me sentia meio diferente, porque as crianças já falavam em namorar e casar quando fossem adultos, de quantos filhos teriam, etc. e eu sempre me senti incomodada com assuntos assim, e até hoje desvio o olhar quando alguém se beija (seja em filmes ou no dia a dia). Mas até ai tudo bem, como eu era criança, tentei não ligar tanto para isso porque com o tempo as pessoas mudam de opinião.

   Mas o tempo foi passando e cada vez mais as pessoas falavam disso, e cada vez mais eu queria deixar de ouvir aquelas coisas. Eu estava inconformada, oque as pessoas veem de demais em namorar? casar? reproduzir? Eu não entendo, me perguntava se eu estava com problemas, porque eu não sinto excitação, nunca me apaixonei por ninguém (nem personagens), eu não gosto de romance, contato físico, acho tudo isso muito nojento, me incomoda de verdade, sempre me incomodou muito. E viver no meio de uma sociedade que valoriza o sexo, é horrível, é aquela coisa, você TEM que namorar, TEM que casar, TEM que ter filhos, para ser feliz e se você não faz nada disso você é doente, ai você se sente muito pressionado e incompreendido.

  Até que um dia eu comentei sobre isso para uma amiga e ela disse "você é assexual arromântico", eu não entendi na hora porque nunca ouvi falar, e nunca entendi muito de Orientação Sexual, eu confundia trans com bi, com sei lá oque, achava tudo muito confuso, porque além de não me identificar com nenhum deles não me interessava. Ai fui lendo sobre assexualidade e arromantismo, fui me identificando, realmente aquilo dizia tudo sobre oque eu sentia mas não sabia exatamente como explicar.

  Porém, um dia (quando estava no primeiro ano do ensino médio) a coordenadora da escola me chamou para conversar, ela disse que estava preocupada comigo, me perguntou o porque eu não me enturmava (eu sempre fui muito sozinha porque eu me sinto bem estando só), ou porque tenho poucos amigos e nem sempre estou com eles, porque eu não namorava, então eu expliquei para ela que sou assexual arromântico e ela me perguntou se já fui abusada por alguém quando mais nova, porque podia fazer parte de um trauma, e eu assustada com a pergunta disse que não, falei também que as pessoas se apaixonam por causa de substâncias químicas do cérebro que estimulam a reprodução, é literalmente só isso (para mim), é porque estou triste e sou isolada que preciso de um "amor da minha vida" para ser feliz e "resolver" todos meus problemas? Se fosse falta de amor, eu faria mais/falaria mais com meus amigos ou adotaria um bichinho de estimação, mas não é isso. Mas quando disse isso ela não acreditou, porque ela acha que amor é muito mais do que isso e que falar agora que sou assexual é muito precipitado porque sou muito nova para dizer isso e ai me encaminharam para uma psicóloga.

  Não falei sobre isso para a psicóloga, mas fiquei esse tempo todo me perguntando se eu sou mesmo assexual arromântico, então comecei a tentar entender as pessoas, o porque se apaixonam e tudo mais, mas advinha ... nada, já estava começando a achar que realmente tinha problemas mentais, até que me deparei de novo com a comunidade, e como fazia bastante tempo, agora tem mais informações sobre a assexualidade, e eu li tudo e percebi que realmente faço parte disso, porque me forçar a entender algo que eu não gosto, vai contra a minha personalidade e vontade e eu não me sinto incomodada em não sentir atração por alguém ou por não ter se apaixonado, eu me sinto bem sozinha e feliz, além do mais, amizade é mais do que o suficiente de amor na minha vida.

  Isso me lembra de que quando eu disse que sou assexual arromântico, acho que a pergunta mais boba que já ouvi foi "Você não sente amor pelos seus pais e amigos?" hahahaha acham que sou uma máquina só porque não me apaixono e não quero ter uma relação, essas coisas são mais desejo físico, amor de amizade e de família é diferente, não é como se você não tivesse sentimentos (não sei se concordam comigo).

  Na aula de biologia também disseram que sou uma ameba ( por causa do nome "reprodução assexuada" ), e umas pessoas ao ouvir ficaram perguntando se isso existe mesmo, eles nem sabia que haviam criaturas que se reproduzem de forma assexuada, porque aparentemente eles acham que tudo tem que ser da aquele jeito. Mas de qualquer forma, ser assexual e ser assexuado é diferente, eu bem que gostaria de ser de nenhum gênero, mas sou humana, fazer oque...

  Bom, mas queria saber se vocês, da comunidade, acham mesmo que não posso me autodenominar assexual por causa da idade. Porque desde a infância e até hoje me sinto assim e questionei esse tempo todo, achei que fosse só eu e que estivesse sozinha, mas achar vocês foram minha salvação, é bom saber que não sou só eu que sinto assim.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rhoda Penmark
Mestre
Mestre
avatar

Mensagens 958
Inscrição 21/05/2014
Idade 28
Pensamento Seja você mesmo, mas não seja sempre o mesmo.

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   6/12/2018, 21:27

Em primeiro lugar, seja bem vinda! porco

A grande maioria das pessoas é sexual, e além disso, a assexualidade ainda é uma orientação sexual relativamente "nova". Estamos muito mais "no armário" do que os gays, lésbicas e bissexuais. Então, de certa forma, essa atitude que você descreveu é até compreensível (o que não significa que seja certo, é claro).

E essa coordenadora da escola agiu mal mesmo. Do que interessa para ela saber por que você não namora? Isso é da conta dela desde quando?

Espero que sinta-se acolhida na comunidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fernando
Mestre Supremo(a)
Mestre Supremo(a)
avatar

Mensagens 1276
Inscrição 30/03/2015
Idade 21
Pensamento When you lose small mind you free your life

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   6/12/2018, 21:47

Seja bem vinda  sorrindo  bolo  bolo

Rimune escreveu:
Olá, sou nova aqui, quero dizer... quase, uma vez entrei aqui mas sai porque me disseram que eu era muito nova para dizer que sou assexual arromântico.

Que estranho alguém falar isso aqui (na verdade não entendi se falaram isso aqui, ou se foi fora mas você saiu mesmo assim). Não acho que tenha uma idade certa para se dizer que é ou não arromântico. O que pode acontecer é a pessoa mudar, e é durante a infância e juventude que mais mudamos, mas isso não invalida sua identificação anterior.


Rimune escreveu:
Porém, um dia (quando estava no primeiro ano do ensino médio) a coordenadora da escola me chamou para conversar, ela disse que estava preocupada comigo, me perguntou o porque eu não me enturmava (eu sempre fui muito sozinha porque eu me sinto bem estando só), ou porque tenho poucos amigos e nem sempre estou com eles, porque eu não namorava, então eu expliquei para ela que sou assexual arromântico e ela me perguntou se já fui abusada por alguém quando mais nova, porque podia fazer parte de um trauma, e eu assustada com a pergunta disse que não, falei também que as pessoas se apaixonam por causa de substâncias químicas do cérebro que estimulam a reprodução, é literalmente só isso (para mim), é porque estou triste e sou isolada que preciso de um "amor da minha vida" para ser feliz e "resolver" todos meus problemas? Se fosse falta de amor, eu faria mais/falaria mais com meus amigos ou adotaria um bichinho de estimação, mas não é isso. Mas quando disse isso ela não acreditou, porque ela acha que amor é muito mais do que isso e que falar agora que sou assexual é muito precipitado porque sou muito nova para dizer isso e ai me encaminharam para uma psicóloga.

Por acaso você já contou isso e eu já estava no fórum nessa época? Tem algo de familiar nessa história. Seria possível duas pessoas com histórias tão parecidas? Ou eu estou tendo um deja vu?

Rimune escreveu:
Bom, mas queria saber se vocês, da comunidade, acham mesmo que não posso me autodenominar assexual por causa da idade. Porque desde a infância e até hoje me sinto assim e questionei esse tempo todo, achei que fosse só eu e que estivesse sozinha, mas achar vocês foram minha salvação, é bom saber que não sou só eu que sinto assim.

Como eu falei antes, não tem uma idade mínima para se autodenominar assexual ou arromântica. Se você se sente confortável com essas identidades, pode usá-las.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ace Ventura
Mestre
Mestre
avatar

Mensagens 509
Inscrição 28/06/2017
Idade 24
Pensamento Meta de vida: ser útil.

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   6/12/2018, 21:52

Rimune escreveu:
Mas quando disse isso ela não acreditou, porque ela acha que amor é muito mais do que isso e que falar agora que sou assexual é muito precipitado porque sou muito nova para dizer isso e ai me encaminharam para uma psicóloga.

Você foi na consulta por ter aceitado ir, ou você foi obrigada?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sam
Admin
Admin
avatar

Mensagens 590
Inscrição 03/04/2012
Idade 29

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   6/12/2018, 23:14

Seja bem-vinda, Rimune sorrindo

Fernando escreveu:
Não acho que tenha uma idade certa para se dizer que é ou não arromântico. O que pode acontecer é a pessoa mudar, e é durante a infância e juventude que mais mudamos, mas isso não invalida sua identificação anterior.

Se você se sente confortável com essas identidades, pode usá-las.

Concordo com o Fernando!

Apenas quero acrescentar algo, talvez, controverso e já digo com antecedência, Rimune, que isso não é especificamente para você. Só vou aproveitar o assunto do tópico para debater e colocar uma OPINIÃO sobre o tema. Não acho que seja benéfico para uma criança ou para um jovem NO INÍCIO da adolescência estabelecer algo muito restritivo para si, como um conjunto de definições limitadoras. Aliás, não é bom para ninguém, mas para pessoas muito jovens é pior. Notem que eu usei a palavra "benéfico", não disse que é proibido, que não devem, que não são aptos, que não é saudável, que é errado ou qualquer outra coisa. Disse que não é "benéfico" porque permanecer convicto na "classificação" pode trazer um conforto imediato, porém um prejuízo a longo prazo já que a pessoa vai acreditar ter encontrado a "verdade" e poderá ficar estagnada, perdendo a chance de vivenciar as tão pronunciadas mudanças características dessa faixa etária com plenitude. Não significa que a pessoa precise sair por aí experimentando de tudo ou se forçando a fazer o que não quer, quero dizer que é melhor quando não existem muito impedimentos para "estar aberto a se conhecer".

Então uma pessoa muito jovem pode se identificar com a assexualidade? Claro! Só precisa haver cuidado para que isso não crie rigidez e estar consciente que ainda há muito por vir, portanto, é bom ir com calma. Identificação é uma coisa, conclusão é outra.

Opinião exposta, falo para você, Rimune, o mais importante na sua história é que, primeiro, você já passou dessa idade de "mudanças drásticas" em que não seria BENÉFICO fixar uma orientação específica. Segundo, não existem vestígios aparentes de que você tenha algum problema com o qual poderia confundir com a assexualidade (se houver algo que não mencionou, investigue) e, por último, você parece estar confortável e satisfeita com as condições da assexualidade. Isso basta para que você não sinta receio em se autodenominar da forma que achar que deve.

Espero que aproveite o que o fórum tem de bom para oferecer.


"Se você ficar sozinho, pega a solidão e dança" (Três Dias, Marcelo Camelo)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Fernando
Mestre Supremo(a)
Mestre Supremo(a)
avatar

Mensagens 1276
Inscrição 30/03/2015
Idade 21
Pensamento When you lose small mind you free your life

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   8/12/2018, 03:00

Sam, não sei se o que você falou é controverso ou não, mas concordo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Romântico
Admin
Admin
avatar

Mensagens 1839
Inscrição 16/04/2014
Idade 41
Pensamento "O amor está acima da morte, assim como como o céu, do oceano" (Jean Baptiste Henri Lacordaire)

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   8/12/2018, 04:43

Rimune escreveu:
Olá, sou nova aqui, quero dizer... quase, uma vez entrei aqui mas sai porque me disseram que eu era muito nova para dizer que sou assexual arromântico. Bom, acho que é melhor eu começar do início e contar como descobri a comunidade.

   Desde criança (dos 3 - 4 anos) eu já me sentia meio diferente, porque as crianças já falavam em namorar e casar quando fossem adultos, de quantos filhos teriam, etc. e eu sempre me senti incomodada com assuntos assim, e até hoje desvio o olhar quando alguém se beija (seja em filmes ou no dia a dia). Mas até ai tudo bem, como eu era criança, tentei não ligar tanto para isso porque com o tempo as pessoas mudam de opinião.

   Mas o tempo foi passando e cada vez mais as pessoas falavam disso, e cada vez mais eu queria deixar de ouvir aquelas coisas. Eu estava inconformada, oque as pessoas veem de demais em namorar? casar? reproduzir? Eu não entendo, me perguntava se eu estava com problemas, porque eu não sinto excitação, nunca me apaixonei por ninguém (nem personagens), eu não gosto de romance, contato físico, acho tudo isso muito nojento, me incomoda de verdade, sempre me incomodou muito. E viver no meio de uma sociedade que valoriza o sexo, é horrível, é aquela coisa, você TEM que namorar, TEM que casar, TEM que ter filhos, para ser feliz e se você não faz nada disso você é doente, ai você se sente muito pressionado e incompreendido.

  Até que um dia eu comentei sobre isso para uma amiga e ela disse "você é assexual arromântico", eu não entendi na hora porque nunca ouvi falar, e nunca entendi muito de Orientação Sexual, eu confundia trans com bi, com sei lá oque, achava tudo muito confuso, porque além de não me identificar com nenhum deles não me interessava. Ai fui lendo sobre assexualidade e arromantismo, fui me identificando, realmente aquilo dizia tudo sobre oque eu sentia mas não sabia exatamente como explicar.

  Porém, um dia (quando estava no primeiro ano do ensino médio) a coordenadora da escola me chamou para conversar, ela disse que estava preocupada comigo, me perguntou o porque eu não me enturmava (eu sempre fui muito sozinha porque eu me sinto bem estando só), ou porque tenho poucos amigos e nem sempre estou com eles, porque eu não namorava, então eu expliquei para ela que sou assexual arromântico e ela me perguntou se já fui abusada por alguém quando mais nova, porque podia fazer parte de um trauma, e eu assustada com a pergunta disse que não, falei também que as pessoas se apaixonam por causa de substâncias químicas do cérebro que estimulam a reprodução, é literalmente só isso (para mim), é porque estou triste e sou isolada que preciso de um "amor da minha vida" para ser feliz e "resolver" todos meus problemas? Se fosse falta de amor, eu faria mais/falaria mais com meus amigos ou adotaria um bichinho de estimação, mas não é isso. Mas quando disse isso ela não acreditou, porque ela acha que amor é muito mais do que isso e que falar agora que sou assexual é muito precipitado porque sou muito nova para dizer isso e ai me encaminharam para uma psicóloga.

  Não falei sobre isso para a psicóloga, mas fiquei esse tempo todo me perguntando se eu sou mesmo assexual arromântico, então comecei a tentar entender as pessoas, o porque se apaixonam e tudo mais, mas advinha ... nada, já estava começando a achar que realmente tinha problemas mentais, até que me deparei de novo com a comunidade, e como fazia bastante tempo, agora tem mais informações sobre a assexualidade, e eu li tudo e percebi que realmente faço parte disso, porque me forçar a entender algo que eu não gosto, vai contra a minha personalidade e vontade e eu não me sinto incomodada em não sentir atração por alguém ou por não ter se apaixonado, eu me sinto bem sozinha e feliz, além do mais, amizade é mais do que o suficiente de amor na minha vida.

  Isso me lembra de que quando eu disse que sou assexual arromântico, acho que a pergunta mais boba que já ouvi foi "Você não sente amor pelos seus pais e amigos?" hahahaha acham que sou uma máquina só porque não me apaixono e não quero ter uma relação, essas coisas são mais desejo físico, amor de amizade e de família é diferente, não é como se você não tivesse sentimentos (não sei se concordam comigo).

  Na aula de biologia também disseram que sou uma ameba ( por causa do nome "reprodução assexuada" ), e umas pessoas ao ouvir ficaram perguntando se isso existe mesmo, eles nem sabia que haviam criaturas que se reproduzem de forma assexuada, porque aparentemente eles acham que tudo tem que ser da aquele jeito. Mas de qualquer forma, ser assexual e ser assexuado é diferente, eu bem que gostaria de ser de nenhum gênero, mas sou humana, fazer oque...

  Bom, mas queria saber se vocês, da comunidade, acham mesmo que não posso me autodenominar assexual por causa da idade. Porque desde a infância e até hoje me sinto assim e questionei esse tempo todo, achei que fosse só eu e que estivesse sozinha, mas achar vocês foram minha salvação, é bom saber que não sou só eu que sinto assim.
Primeiramente, bem-vinda de volta! bolo
Como bem lhe disseram, não existe uma idade certa para se definir se alguém é arromântico(a) ou romântico(a).
No entanto, penso de forma similar à do Sam:
Sam escreveu:
Não acho que seja benéfico para uma criança ou para um jovem NO INÍCIO da adolescência estabelecer algo muito restritivo para si, como um conjunto de definições limitadoras. Aliás, não é bom para ninguém, mas para pessoas muito jovens é pior. Notem que eu usei a palavra "benéfico", não disse que é proibido, que não devem, que não são aptos, que não é saudável, que é errado ou qualquer outra coisa. Disse que não é "benéfico" porque permanecer convicto na "classificação" pode trazer um conforto imediato, porém um prejuízo a longo prazo já que a pessoa vai acreditar ter encontrado a "verdade" e poderá ficar estagnada, perdendo a chance de vivenciar as tão pronunciadas mudanças características dessa faixa etária com plenitude. Não significa que a pessoa precise sair por aí experimentando de tudo ou se forçando a fazer o que não quer, quero dizer que é melhor quando não existem muito impedimentos para "estar aberto a se conhecer".

Então uma pessoa muito jovem pode se identificar com a assexualidade? Claro! Só precisa haver cuidado para que isso não crie rigidez e estar consciente que ainda há muito por vir, portanto, é bom ir com calma. Identificação é uma coisa, conclusão é outra.


Visite o site oficial:
http://www.assexualidade.com.br


------

Confira os tópicos selecionados, na barra lateral direita do Fórum!
Obs: atualizei a lista, incluindo links que constavam apenas na minha assinatura.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://vk.com/megasenaminhavida
Rimune
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 11
Inscrição 06/12/2018
Idade 17
Pensamento Ser honesto é fazer o certo mesmo quando ninguém está olhando

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   9/12/2018, 12:21

Ace Ventura escreveu:
Rimune escreveu:
Mas quando disse isso ela não acreditou, porque ela acha que amor é muito mais do que isso e que falar agora que sou assexual é muito precipitado porque sou muito nova para dizer isso e ai me encaminharam para uma psicóloga.

Você foi na consulta por ter aceitado ir, ou você foi obrigada?

Fui obrigada, porque depois desse dia, acharam que eu tinha algum problema ou fui abusada e não queria falar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rimune
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 11
Inscrição 06/12/2018
Idade 17
Pensamento Ser honesto é fazer o certo mesmo quando ninguém está olhando

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   9/12/2018, 12:42

Fernando escreveu:
Que estranho alguém falar isso aqui (na verdade não entendi se falaram isso aqui, ou se foi fora mas você saiu mesmo assim).

Me desculpe, eu não consigo me expressar muito bem (e por causa disso acabo entrando em outros assuntos quando vou responder alguém).

Eu quis dizer que disseram isso mas não foi na comunidade, foi lá fora. Eu sai da comunidade (deste site), por causa de algumas coisas que me incomodam e desaprovo da comunidade LGBT, eu sei que é tolice, mas eu sai porque a assexualidade está dentro da LGBT por ser uma orientação sexual, e me autodenominar assexual arromântica mas ao mesmo tempo não concordar com a LGBT é meio contraditório, não? Digamos... acho que não me sinto representada dentro da comunidade LGBT, sou contra muita coisa deles. Por isso sai e estava quase decidida que não iria dizer mais a ninguém que sou assexual arromântica mas também não deixaria de ser, só não usaria o nome, por mais que me identificasse.

Fernando escreveu:
Por acaso você já contou isso e eu já estava no fórum nessa época? Tem algo de familiar nessa história. Seria possível duas pessoas com histórias tão parecidas? Ou eu estou tendo um deja vu?

Sim, já contei, como disse eu sai do site e estou voltando agora.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rimune
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 11
Inscrição 06/12/2018
Idade 17
Pensamento Ser honesto é fazer o certo mesmo quando ninguém está olhando

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   9/12/2018, 13:47

Sam escreveu:
Opinião exposta, falo para você, Rimune, o mais importante na sua história é que, primeiro, você já passou dessa idade de "mudanças drásticas" em que não seria BENÉFICO fixar uma orientação específica. Segundo, não existem vestígios aparentes de que você tenha algum problema com o qual poderia confundir com a assexualidade (se houver algo que não mencionou, investigue) e, por último, você parece estar confortável e satisfeita com as condições da assexualidade. Isso basta para que você não sinta receio em se autodenominar da forma que achar que deve.

Eu mencionei praticamente tudo, as únicas coisas que não escrevi lá porque não eram necessárias foram as reações das pessoas quando disse que me identifico como Assexual Arromântica.

Até hoje não sei te dizer quem é bonito ou não (seja mulher ou homem), e os bebês humanos eu não acho fofos, ou mesmo com animais, as pessoas ficam "AI MDS QUE FOFURA" e eu só fico "okay", acho normal, digamos assim (só que entre bebês e filhotes, prefiro 1000x os filhotes). E por ai vejo as outras garotas dizerem qual mulher é mais bonita, que queriam ter o cabelo/corpo de tal atriz/modelo, e quando vêem homens, elas piram, e ficam discutindo quem é mais bonito, com qual deles se casaria, quem elas querem beijar, e tudo mais. Ai me perguntavam "quem é mais bonito?", "Você acha mais bonito negro, pardo ou branco?" eu não sei te dizer, não acho ninguém bonito mas não sei dizer se é feio? Não sei explicar. Oque eu vejo são humanos, independente da cor dos olhos, pele ou cabelo, altura, formato do rosto, época, estilo, etc.

Outra coisa que não disse foi das 3 vezes que alguém quis namorar comigo.

Um deles ele só perguntou se queria e eu respondi que não, ele ficou questionando o por quê, e eu apenas falei qualquer coisa para que ele não me perguntasse mais nada.

E os outros dois foram aquelas pessoas chatas que ficam te perseguindo e insistindo, sabe? Então, eu fico extremamente incomodada quando isso acontece, já não gosto quando a pessoa me pede em namoro e aqueles que ficam atrás então... admito que de tão chato que acho isso, que ignorar não é o suficiente depois que ficam um tempão atrás (só pararam quando me mudei de escola), acabo dando várias patadas de volta para qualquer coisa que essa pessoa fale comigo, e quando me davam alguma coisa eu jogava fora na frente dela, é muita crueldade, eu sei, eu sei... claro que não é certo mas isso me incomoda tanto que eu acabo ficando extremamente chata e grossa com a pessoa.

Parece que ninguém me entendia que eu não estou interessada em relacionamento amoroso nenhum e que não gosto de nada que é relacionado a isso ( assunto, filmes, desenhos... ), para você ter ideia eu nunca gostei muito de contato físico, eu abraço sim de volta a pessoa por respeito, mas acho desagradável. Em quanto isso no fundamental as crianças já namoravam, se pegavam, falam besteiras, etc. chegando no E.M. as pessoas só falam disso, praticamente todos meus amigos namoram, já me descreveram a sensação de estar apaixonado(a) e nunca senti nada parecido, e até hoje não entendo isso, e das explicações, disseram que quando alguém se apaixona quer que a outra pessoa seja dela, mas como assim? Sério? Eu não quero ser de ninguém, nem que alguém seja meu, acho muito melhor estar em casa comendo cookies e tomando leite em quanto assiste um filme com meu pet, na verdade, acho qualquer coisa melhor que um relacionamento amoroso.

Mas isso aconteceu bem antes de conhecer a comunidade ou a assexualidade/arromantismo, depois que minha amiga disse o que eu poderia ser, eu fui pesquisar, li a respeito, li relatos, e então me identifiquei com muitas coisas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Rimune
Acabei de chegar!
Acabei de chegar!
avatar

Mensagens 11
Inscrição 06/12/2018
Idade 17
Pensamento Ser honesto é fazer o certo mesmo quando ninguém está olhando

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   9/12/2018, 13:55

Rhoda Penmark escreveu:
Em primeiro lugar, seja bem vinda! porco

A grande maioria das pessoas é sexual, e além disso, a assexualidade ainda é uma orientação sexual relativamente "nova". Estamos muito mais "no armário" do que os gays, lésbicas e bissexuais. Então, de certa forma, essa atitude que você descreveu é até compreensível (o que não significa que seja certo, é claro).

E essa coordenadora da escola agiu mal mesmo. Do que interessa para ela saber por que você não namora? Isso é da conta dela desde quando?

Espero que sinta-se acolhida na comunidade.

Obrigada! Vocês me acolheram bem quando entrei na comunidade tanto antes quando agora que estou voltando, vocês são todos muito gentis, fico feliz que me entendam por mais que pensem diferentes sorrindo mais
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sam
Admin
Admin
avatar

Mensagens 590
Inscrição 03/04/2012
Idade 29

MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   10/12/2018, 22:36

Rimune escreveu:
Sam escreveu:
Opinião exposta, falo para você, Rimune, o mais importante na sua história é que, primeiro, você já passou dessa idade de "mudanças drásticas" em que não seria BENÉFICO fixar uma orientação específica. Segundo, não existem vestígios aparentes de que você tenha algum problema com o qual poderia confundir com a assexualidade (se houver algo que não mencionou, investigue) e, por último, você parece estar confortável e satisfeita com as condições da assexualidade. Isso basta para que você não sinta receio em se autodenominar da forma que achar que deve.

Eu mencionei praticamente tudo, as únicas coisas que não escrevi lá porque não eram necessárias foram as reações das pessoas quando disse que me identifico como Assexual Arromântica.

Até hoje não sei te dizer quem é bonito ou não (seja mulher ou homem), e os bebês humanos eu não acho fofos, ou mesmo com animais, as pessoas ficam "AI MDS QUE FOFURA" e eu só fico "okay", acho normal, digamos assim (só que entre bebês e filhotes, prefiro 1000x os filhotes). E por ai vejo as outras garotas dizerem qual mulher é mais bonita, que queriam ter o cabelo/corpo de tal atriz/modelo, e quando vêem homens, elas piram, e ficam discutindo quem é mais bonito, com qual deles se casaria, quem elas querem beijar, e tudo mais. Ai me perguntavam "quem é mais bonito?", "Você acha mais bonito negro, pardo ou branco?" eu não sei te dizer, não acho ninguém bonito mas não sei dizer se é feio? Não sei explicar. Oque eu vejo são humanos, independente da cor dos olhos, pele ou cabelo, altura, formato do rosto, época, estilo, etc.

Outra coisa que não disse foi das 3 vezes que alguém quis namorar comigo.

Um deles ele só perguntou se queria e eu respondi que não, ele ficou questionando o por quê, e eu apenas falei qualquer coisa para que ele não me perguntasse mais nada.

E os outros dois foram aquelas pessoas chatas que ficam te perseguindo e insistindo, sabe? Então, eu fico extremamente incomodada quando isso acontece, já não gosto quando a pessoa me pede em namoro e aqueles que ficam atrás então... admito que de tão chato que acho isso, que ignorar não é o suficiente depois que ficam um tempão atrás (só pararam quando me mudei de escola), acabo dando várias patadas de volta para qualquer coisa que essa pessoa fale comigo, e quando me davam alguma coisa eu jogava fora na frente dela, é muita crueldade, eu sei, eu sei... claro que não é certo mas isso me incomoda tanto que eu acabo ficando extremamente chata e grossa com a pessoa.

Parece que ninguém me entendia que eu não estou interessada em relacionamento amoroso nenhum e que não gosto de nada que é relacionado a isso ( assunto, filmes, desenhos... ), para você ter ideia eu nunca gostei muito de contato físico, eu abraço sim de volta a pessoa por respeito, mas acho desagradável. Em quanto isso no fundamental as crianças já namoravam, se pegavam, falam besteiras, etc. chegando no E.M. as pessoas só falam disso, praticamente todos meus amigos namoram, já me descreveram a sensação de estar apaixonado(a) e nunca senti nada parecido, e até hoje não entendo isso, e das explicações, disseram que quando alguém se apaixona quer que a outra pessoa seja dela, mas como assim? Sério? Eu não quero ser de ninguém, nem que alguém seja meu, acho muito melhor estar em casa comendo cookies e tomando leite em quanto assiste um filme com meu pet, na verdade, acho qualquer coisa melhor que um relacionamento amoroso.

Mas isso aconteceu bem antes de conhecer a comunidade ou a assexualidade/arromantismo, depois que minha amiga disse o que eu poderia ser, eu fui pesquisar, li a respeito, li relatos, e então me identifiquei com muitas coisas.

Entendo completamente! Por um lado a sociedade, em geral, não está pronta para lidar com pessoas que destoem do senso comum porque não foram ensinadas sobre a variedade de possibilidades que existem, por isso a insistência e a incompreensão. Por outro, acaba que somos obrigados a conviver com a constante pressão de se adequar ou ser visto como estranho.

Não se preocupe, uma hora essas situações diminuem. Ao mesmo tempo, é possível que você passe a não dar tanta importância a elas.


"Se você ficar sozinho, pega a solidão e dança" (Três Dias, Marcelo Camelo)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Sou muito nova para autodenominar assexual?   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Sou muito nova para autodenominar assexual?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Ferrari 250 Califórnia uma filha muito querida !!!!!
» Bon dia
» olá! estou me apresentando
» Pins de fútbol chileno y otros para intercambiar
» Animais para adopção

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Comunidade Assexual :: Comunidade Assexual :: Apresente-se-